Pular para o conteúdo

A composição na fotografia

  • por

Conteúdo atualizado há 11 anos

Por mais que você tenha um equipamento de última geração, com muitos acessórios e seja muito bom com programas de edição, não haverá santo que salve uma fotografia clicada sem o mínimo de preocupação com a composição. Ainda não criaram o botão autocomposição, portanto esta é uma habilidade que os fotógrafos (amadores ou profissionais) precisam dominar.

Mas se você chegou até aqui em busca de regras divinas que resolvam essa tarefa, você está no lugar errado. E qualquer pessoa que se diga capaz de bolar as leis de composição está errada. Composição fotográfica está fortemente ligada à criatividade e ao senso crítico. Ninguém aprende a compor, mas sim a desenvolver a habilidade de ver algo pictórico e enxergar nele um registro interessante e gráfico.

por ALEC1097 (busy mode)

por ALEC1097

Se o objeto que você pretende registrar não tiver forma e/ou conteúdo atraentes, não existe PS que salve a fotografia (não estou falando de arte digital, ok?). Cores, formas, espaço, iluminação, tudo deve ter certa harmonia, afinal uma composição adequada resulta em uma imagem agradável aos olhos. Existem algumas dicas que ajudam a educar o olhar na hora de definir a composição da fotografia:

Regra dos terços
Antes de tudo é preciso conhecer a famosa regra dos terços, que chega até confundir algumas pessoas, mas não é nenhum bicho de sete cabeças. Ela existe desde a época de Leonardo da Vinci, todos aqueles que desejassem se tornar artistas como ele deveriam aprendê-la de qualquer jeito. É fácil de entender: divida o espaço do seu visor em três seções verticais e três horizontais, como um jogo-da-velha (algumas câmeras possuem a opção de dividir a tela em linhas finas). Os pontos onde as linhas cruzam são os lugares que seu olho procura naturalmente quando observa uma imagem, portanto é uma boa ideia posicionar seu objeto perto desses pontos. As linhas também te ajudam a manter o horizonte reto, por exemplo. É só uma base, você pode usar a regra da maneira que achar melhor.

por danniela ribeiro

por danniela ribeiro

Orientação da imagem
Algumas pessoas, principalmente os iniciantes, costumam utilizar a câmera na mesma posição. Nada contra, mas muitas imagens ficariam muito mais interessantes se enquadradas na vertical, de cima, de baixo e até mesmo na diagonal. O bom mesmo é experimentar e arriscar, não ligue para o que os outros irão pensar ao te ver em uma posição, digamos, estranha. O que vale é deixar a criatividade rolar e descobrir o melhor enquadramento. Uma opção que funciona muito bem é nivelar o enquadramento na altura do assunto a ser fotografado, ajoelhe-se para fotografar crianças ou coloque a câmera no chão para registrar seu cãozinho sonolento (como na foto abaixo).

por Daniel Begiato

por Daniel Begiato

Zoom e profundidade
Às vezes o fundo da imagem não favorece muito, pode ser confuso e distrair o olhar do observador. Nessa hora o zoom é um grande aliado, que isola e destaca o elemento que você quiser. A abertura do diafragma também é bastante útil, uma abertura maior dá menor profundidade de campo, desfocando elementos que podem distrair o olhar do elemento principal.

Preencher o espaço
Com a facilidade da tecnologia digital, algumas pessoas se acostumaram a capturar as fotografias sem pensar muito, pois sabem que poderão consertar com os programas de edição. Entretanto devemos observar o assunto, calcular os ajustes necessários e escolher a melhor composição com muita calma (quando possível, é claro!). Isso faz você economizar tempo gasto na frente do computador e evita a perda de qualidade do ficheiro.

por Luty Mota

por Luty Mota

Elementos de composição
São muitas as possibilidades a ser escolhidas. Elementos simétricos, composição radial, composição diagonal (que geralmente levam nosso olhar a percorrer a imagem de maneira específica), sobreposição de elementos e, até mesmo, a assimatria, podem resultas em imagens fantásticas. A colocação de cores de elementos diferentes também pode ser explorada, além da profundidade e peso dos elementos.

por Wolfman-K

por Wolfman-K

por ill-padrino

por ill-padrino

Enfim, são muitas opções. Lembrando que não fiz aqui uma lista de regras. É apenas uma lista para inspirar a sua criatividade e reflexão. Portanto, leve essas informações na mente e pratique!

Deixe sua opinião!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *